Coaching: Dicas para rever sua carreira em 2018

Observo de forma muito comum em meus atendimentos de coaching executivo ou coaching de carreira que meus clientes (altos executivos ou lideres) atribuem um poder muito maior às próprias características pessoais de personalidade e caráter do que à influência exercida pelo contexto na sua forma de liderar, gerenciar e transformar uma organização.

Frequentemente, as razões para o sucesso ou fracasso estão na maneira como se lida com a cultura, as pressões, o contexto social mais imediato ou com as situações da forma como elas se apresentam.

Inteligência e Personalidade contam, é claro, mas fatores sociais são muito mais importantes e determinantes para o sucesso a longo prazo. Empatia e a capacidade de ler as emoções dos outros no ambiente de trabalho são, na verdade, o veículo para a autopromoção e marketing pessoal de um executivo.

É através da forma como se lida com suas próprias emoções e se constrói a ponte de interação com o contexto que se dá a “venda” de qualidades técnicas, ideias e projetos.

Tudo aqui está em jogo: a forma de se vestir, a forma de falar pessoalmente ou pelo telefone, o tom dos e-mails, a forma como se mantem contato visual, o modo de ouvir e até mesmo quanto se sorri no ambiente de trabalho. A atenção a todos esses detalhes tem um retorno incalculável.

Admito que é difícil mudar nossa forma de lidar com o contexto quando estamos muito identificados e mesclados a ele. Provavelmente, qualquer pessoa imersa na mesma situação reagiria de forma muito parecida.

Minha dica é que você tome um tempo para examinar o ambiente em que está inserido e como ele o tem influenciado. Entenda quais aspectos da cultura organizacional você tem reagido e porquê. Verifique quais destes aspectos fazem sentido e merecem as reações que você tem tido ultimamente.

Finalmente, estabeleça ações que lhe permitam influenciar o contexto de forma positiva e assim prosseguir. Se não tiver muita certeza do que fazer no início, olhe à sua volta e observe colegas que têm sido bem sucedidos ao lidar com o ambiente corporativo. Espelhe seus comportamentos até incorporar os novos hábitos.

Por Luciano Paiva

 

Luciano Paiva é PCC formado pelo Instituto Ecosocial e afiliado ao ICF. Possui 20 anos de experiência corporativa em marketing, com formação em Propaganda e Marketing pela ESPM, pós-graduação em Administração pela FGV e mestrado em estratégia pelo INSPER. Com extensões em psicanálise pelo Instituto Sedes e técnicas sistêmicas, Luciano atua com Aconselhamento e Coaching de Carreira/Executivo pela Digitalents, se dedicando a inspirar pessoas a entender o sentido em suas atividades diárias e aplica-lo em sua vida pessoal e profissional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *